Ônibus “Hacker” traz cursos e reciclagem de lixo eletrônico

A ONG Programando o Futuro, que recebe e processa lixo eletrônico, estará em Buritis do dia 26 a 28 de fevereiro, apresentando sua Unidade Móvel: o Ônibus Hacker. O lixo eletrônico recolhido ou doado passa pelo processo de triagem: descarte, reciclagem ou reúso. Todo equipamento em condições de reparo é transformado em laboratórios de informática para as escolas públicas.

Segundo Anderson Blaine, um dos organizadores do evento, o Ônibus Hacker está preparado para proporcionar oficinas técnicas e apresentar trabalhos desenvolvidos. Serão ministradas as oficinas “Conhecendo um Computador” e “Como funciona a triagem e separação de lixo eletrônico”. Também no ônibus acontecerá uma Exposição de Robótica Livre, onde o público terá acesso a Impressora 3D, bicicleta geradora de energia, display de LED e lousa mágica. As inscrições para as oficinas são realizadas no local.

Durante os três dias serão realizadas coletas de lixo eletrônico na Praça da CASEMG. Celulares, baterias, computadores, impressoras, videocassetes, cabos, televisores, carregadores e eletrônicos em geral serão coletados. Inclusive radiográfias (Raio X) velhas podem ser descartadas no ponto de coleta.

A Estação de Metarreciclagem, que recebe todo o material descartado, está localizado em Valparaíso de Goiás à menos de 40 km do centro de Brasília. O projeto processa 300 toneladas de recicláveis eletrônicos por ano, descartados por pessoas, empresas e prefeituras. Para conhecer mais de perto o trabalho realizado ou colaborar com o projeto basta acessar www.doeseucomputador.org.br ou entrar em contato através do (61) 3559-1111.

Em Buritis, o laboratório de informática BLAINE, em parceria com a ONG Programando o Futuro é ponto de coleta de lixo eletrônico. O descarte pode ser realizado na Av. Central, nº 562 (ao lado da Drogaria Popular). Mais informações ligue para (38) 9742 2809.