Feira do pequeno produtor ganha novo espaço

O consumo de verduras, hortaliças e frutas recebeu um novo espaço em Buritis. O tão aguardado local para o agricultor vender seus produtos ficou pronto e já está em uso. A inauguração oficial será no dia 5 julho.

Localizada na esquina da avenida Bias Fortes com a avenida Pedro Valadares Versiane, a Feira Popular oferece para a população alimentos produzidos na zona rural do município.

O consumidor encontrará desde folhagens, frutas, verduras, raízes (mandioca, batata doce, cenoura), derivados do leite (queijo, requeijão e doces), até alimentos feitos na hora, como pastel, caldo de cana, tapioca e outras variedades.

A feira estava funcionando em uma rua no bairro Israel Pinheiro. De acordo com Daluz Gomes, presidente da feira, além dos riscos de acidente mesmo a via estando fechada, a queda nas vendas fizeram muitos feirantes abandonarem suas barracas.

“A gente corria riscos, por mais que fechasse a rua, passava carro, moto e pessoas de bicicleta. Já chegamos a ser atropelados, mas graças a Deus não foi coisa grave. A feira lá estava quase morrendo, os feirantes estavam desistindo e estávamos com mais ou menos oito barracas funcionando. Agora com esse novo espaço, já podemos observar um número maior de bancas e variedades nos produtos. Aumentaram também as vendas e o movimento de clientes” explicou Daluz.

Ainda segundo ela, um depósito para que os feirantes possam guardar suas bancas está sendo alugado pela prefeitura. Atualmente apenas a lona é retirada da estrutura metálica de cada barraca. 

“A prefeitura está alugando um depósito pra gente guardar a estrutura. Fica muito difícil desmontar e levar tudo para nossas propriedades rurais e trazer de volta para montar. Esse depósito vai nos ajudar muito. Além de preservar as bancas evitando que elas fiquem no tempo tomando sol e chuva” ressaltou.

A aposentada Maria Antônia aprovou a nova feira.

“Eu venho à feira sempre. Achei aqui lindo, maravilhoso. Parabéns para quem idealizou esse local aqui. Gostei muito também dos produtos que os feirantes estão vendendo. As frutas e verduras estão bonitas”, disse.

A feira tem o objetivo de comercializar a produção dos pequenos agricultores familiares, beneficiários do Programa de Aquisição de Alimentos da Agricultura Familiar (PAA), membros de associações e cooperativas. Visa também aumentar a oferta de alimentos saudáveis, estimulando a produção regional e contribuindo para a estruturação de uma política de abastecimento local orientada pelos princípios da economia solidária e do comércio justo.

Para ocupar um dos espaços, o interessado deve fazer a sua inscrição na Secretaria Municipal de Agricultura. A princípio não é cobrada taxa de funcionamento, mas a ideia, segundo Daluz, é cobrar um valor que será aplicado na limpeza e manutenção do local.

A Feira Popular funciona nas quartas-feiras de 14h às 20h.