Polícia alerta para aumento de crimes no fim de ano

O ano está acabando e muitos já começaram os preparativos para festas e comemorações típicas dessa época. Com o comércio mais aquecido, também cresce o índice de roubos e furtos. Por isso, a Polícia Militar alerta para que a população redobre o cuidado com a segurança.

No início do mês, na sexta-feira dia 04, a Fazenda Panambi em Buritis foi alvo de 4 assaltantes armados e encapuzados que chegaram de manhã na sede da propriedade exigindo dinheiro dos funcionários que trabalhavam no escritório. Os criminosos atiraram contra uma parede com uma arma de grosso calibre e fugiram levando um notebook, um aparelho GPS, três bolsas com documentos pessoais, cartões de crédito, cheques e R$ 80 em dinheiro. No crime foi utilizada uma caminhonete Ford Ranger roubada um dia antes em uma fazenda em Arinos. O veículo foi localizado abandonado em uma rodovia próxima. A polícia ainda não conseguiu localizar os criminosos.

Na tarde sexta-feira dia 11 o alvo foi um supermercado no bairro Veredas. Por volta de 15h um homem com uma faca chegou ao estabelecimento, ameaçou os funcionários e fugiu levando aproximadamente R$ 300. A polícia fez buscas mas não localizou o autor do crime. Segundo a Polícia Militar, o local já foi alvo da criminalidade em outras oportunidades.

Na madrugada de domingo (13), um restaurante no Centro sofreu uma tentativa de roubo. Criminosos aproveitaram o horário de pouco movimento para tentar arrombar uma das portas, no entanto, ao avistar um vigilante, os homens fugiram sem levar valores em dinheiro ou objetos do comércio.

Segundo o comandante da Polícia Militar em Buritis, tenente Vargas, nessa época os criminosos costumam agir não apenas na movimentação intensa dos comerciais. Roubos de bolsas, carteiras e assaltos nas portas dos bancos também são comuns nesta época do ano. Além de registrar o Boletim de Ocorrência, as pessoas que testemunharem um assalto ou tiverem informação sobre um crime podem denunciar através do telefone 190 e a sua identidade será preservada. É importante observar as características físicas dos criminosos, que possam ajudar a polícia a identificá-los.