Abrigo zera casos de covid-19

No primeiro dia do ano de 2021 o Abrigo João da Silva Santarém informou o primeiro caso de morte de interno em decorrência de covid-19. Um homem de 63 anos que estava internado em Unaí e também era diabético perdeu a luta contra o novo corona virus. No dia seguinte a instituição anunciava o segundo óbito. Uma  idosa de 83 anos que também estava internada em Unaí padeceu de covid na tarde do dia 2 de janeiro.

Segundo a instituição ela tinha comorbidade, pois sofria de problemas cardíacos. Ambos os casos haviam sido descobertos no dia 10 de dezembro do ano passado quando alguns moradores do lar testaram positivo para a doença. 

Após o susto nos primeiros dias dias do ano, o abrigo fez um comunicado na tarde de segunda-feira (4) informando que todos os internos que estavam infectados pelo novo corona vírus estão curados. Desta maneira os 18 idosos que estavam isolados voltam ao convívio normal com os demais residentes. A coordenação afirmou que os internos foram liberados após passarem por exames que comprovaram que eles haviam superado a doença. O grupo que estava isolado sofreu apenas sintomas leves da doença como febre, dores e desconforto abdominal. 

A direção da instituição comunica que as visitas continuam suspensas e que continua observando todos os protocolos sanitários na prevenção da covid-19. 

Relembre: Abrigo de Buritis confirma primeiro óbito por Covid-19