Festa da Padroeira de Buritis em tempos de pandemia da Covid-19

Está acontecendo a Festa em Honra e Louvor a Deus por Nossa Senhora da Pena com o tema “Maria passa à frente e intercede junto a Jesus”. A edição de número 215 do evento religioso da padroeira de Buritis está sendo diferente de todas as anteriores. O atual momento causado pela pandemia da Covid-19 impede eventos com a presença do público para evitar o contágio do vírus. Por essa razão, a organização está realizando lives (transmissões ao vivo) nos canais da Paróquia nas redes sociais como Instagram, Facebook e YouTube, tudo para deixar os fiéis mais próximos das celebrações que ocorrem durante os onze dias.

Aqueles que desejam acompanhar as novelas e missas na Igrejinha e na Matriz precisam reservar vaga com antecedência por telefones que foram disponibilizados pela Paróquia. A presença de pessoas nas igrejas é limitada e obedece ao distanciamento, uso obrigatório de máscaras e o uso de álcool em gel como determina os protocolos de saúde.

No sábado (29) aconteceu a abertura oficial com o tradicional passeio pelas ruas e avenidas com a imagem de Nossa Senhora da Pena saindo da Matriz e encerrando na Igrejinha, como é feito todos os anos, onde foi celebrada a Missa. Em seguida foi feito o translado da imagem para Igreja Matriz e o levantamento do Mastro. Elias, Rosa e família são os festeiros desse ano.

A pandemia impossibilitou a realização de shows musicais, apresentações culturais, leilões, barraquinhas com comidas típicas, lembrancinhas e vestuários, que são algumas das principais fontes de arrecadação de recursos para manutenção e funcionamento da Paróquia. Aos interessados em fazer doações, a comissão organizadora disponibilizou envelopes que podem ser retirados no escritório paroquial e uma conta bancária.

Banco do Brasil
Agência: 1330-7
Conta corrente: 4061-4

O colaborador pode ajudar com qualquer quantia. Essa foi uma forma de amenizar a queda nas arrecadações pelo impedimento de promover eventos com presença de público.

Outra forma encontrada para angariar fundos foi a instalação da “lojinha de Maria” onde são vendidos artigos religiosos.

A festa se encerra na terça-feira (08), dia de Nossa Senhora da Pena com missa na matriz às 08h.